09 março, 2011

ORFEÃO DO CÍRCULO CATÓLICO DE OPERÁRIOS.

A 24 e 25 de Março de 1966 deu-se a primeira apresentação pública, no Cine-Teatro-Neiva de Vila do Conde, do Orfeão do Círculo Católico de Operários , com cerca de 100 figuras, distribuídas por 4 naipes, dirigido pelo Padre José Pereira Lima.
O aparecimento do Orfeão deveu-se ao esforço empenhado de Abraão Cerqueira Maia e de um grupo de amigos que conseguiram reunir um conjunto de homens e mulheres com vontade de dar corpo ao projecto.
A apresentação do grupo, que integrava elementos do antigo Orfeão de Vila do Conde, ficou a cargo do Dr. Joaquim Pacheco Neves que, em pleno palco do neiva, numa sentida alocução, convidou os orfeonistas - " ... a cantar e a olhar os lírios do campo " .
.
FONTE - Site do Círculo Católico de Operários.

3 comentários:

Faria Correia disse...

O antigo e, verdadeiro e não renascido, "Orpheon de Villa do Conde" fez a sua apresentação em publico a 8 de Setembro de 1921, no Teatro Afonso Sanches, que se localizava onde está hoje "O Forninho", na Avenida Dr. Cunha Araújo.
Faz-se esta referência para que não haja confusões entre os dois orfeões.

Luis Fernandes disse...

Pena é que o CCO tenha acabado com o Orfeão, com o TACCO ou mesmo com as variedades e se tenha transformado não sei em quê.

José Manuel disse...

Amigo Zé,
Já tenho os nomes a contactar.
Liga-me logo que possas.
Um abraço,
JML